quarta-feira, abril 26, 2006

DESLIGUE A TV


Ainda a propósito da Semana Mundial Desligue a TV, leiamos de Millôr Fernandes:

TELEANTEVISÃO

Meu amigo, sente-se cansado, abatido, desmoralizado, com a consciência de que a vida é vulgar, que nada vale nada?
Acha, permanentemente, que a existência perdeu todos os valores, que não há mais ética, estética, nenhum objectivo mais a atingir?
Sua vista está obnubilada por permanente poluição visual?
O mundo chegou a uma comercialização (vem aí o trocadilho!) a qualquer preço?

NÃO DESESPERE
Telefone-nos imediatamente e destruiremos logo o seu aparelho de televisão.
GRÁTIS!
Sem televisão você será um homem inteiramente novo (ou melhor, velho).
Sem televisão você voltará a ver a vida pelo lado de fora.
Sem televisão seus filhos púberes não aprenderão que o objectivo da existência é parasitar os mais velhos o tempo todo, enquanto lhes colocam o dedo na cara, acusando-os disto, disso, daquilo e sobretudo daqueloutro.
Sem televisão os pais não se defenderão dos filhos botando a culpa na sociedade.
Sem televisão sua mulher não se sentirá mais esmagada pelo machismo e ansiosa "por um tempo" e "por seu próprio espaço".
Sem televisão você não se sentirá mais detrrotado se "não levar vantagem em tudo".
Sem televisão seus filhos aprenderão que o erótico não é so transar feito cachorro, e que transa só se realiza plenamente com carinho e motivação psicológica e não apenas com chupôes babosos de sapos dendrobatas (sapos-veneno-de-flecha).
E seus filhos, e você mesmo, poderão se livrar desse processo social démodé, serôdio, descambado (dicionário, rápido. Pode ser electrónico!).

SEM TELEVISÃO SUA CASA SERÁ DE NOVO UM LUGAR












1 Comments:

At 22:10, Anonymous jgonçalves said...

Lindo!
Mas e como eu vou fazer para adormecer, com a TV desligada???

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home