domingo, dezembro 18, 2005

ACIDENTES NA 24 DE JULHO

A QUEM ATRIBUIR RESPONSABILIDADES?
.
Estou cansado de ouvir, pelos diversos meios de comunicação social - e não só -, que os automobilistas são sempre os responsáveis pelos acidentes na estrada, particularmente aqueles em que os peões estão directamente associados.
Sei do que falo porque, para além de também ser automobilista, sou na maior parte das vezes peão e verifico o quanto de falta de civismo e de educação existe na grande maioria das pessoas que anda a pé. Fazem das passadeiras o prolongamento dos passeios, como se a estrada fosse apenas deles e os direitos dos automobilistas não existissem. Por isso, não são de admirar os recentes atropelamentos na Av. 24 de Julho, em Lisboa, um deles com o desfecho trágico de uma morte.
É também interessante observar as reportagens que as televisões, que visam apenas o espectáculo (se puderem mostrar um pouco de sangue, então parecem ter atingido o clímax) fazem, sem quererem ir ao fundo da questão.
No acidente da última sexta-feira foi dito por uma testemunha que «estava sinal vermelho para os peões e que o automobilista deslocava-se seguramente a pouco mais de 50 km». Não obstante, foi também entrevistado um responsável de uma discoteca - não me recordo do que disse mas sei que tentou alijar responsabilidades, como que a dizer que o álcool ingerido não tinha sido factor determinante para o acidente. Por mim, penso que se à falta de civismo e de educação juntarmos algum álcool, a situação, como é óbvio, torna-se explosiva. Falou ainda mais alguém invocando a necessidade de lombas na dita avenida, o que, no seu entender, iria fazer com que estes acidentes não existissem.
Enquanto não formos ao fundo da questão - acidentes haverá sempre, e alguns, muitos, com culpas dos automobilistas - este problema não poderá ser minorado. Quanto a mim, tudo passa pelo civismo e pela educação.

2 Comments:

At 19:29, Blogger segurademim said...

Tens toda a razão... mas civismo e educação são palavras vãs e práticas raras, sobretudo a coberto dos vapores da noite...

Para mim, na 24 de julho à noite ou animação ou circulação, não dá para conciliar ambas!!! andam muito alucinados... não há condições!

Beijo :)

 
At 09:33, Anonymous rps said...

Um dado é certo: se todos, todos - peões e automobilistas - cumprirem as regras, não há acidentes...

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home